sexta-feira, 20 de agosto de 2010

"Quero um livro de carne e osso" - Rubem Alves


O autor disse que o segredo de um livro não está apenas no que está escrito nele, mas no simples fato de ele ser o objeto que é. Para exemplicar sua preferência, comparou o livro convencional a uma mulher quando questionado sobre qual sua opinião sobre os livros digitais. "Deixa eu refazer a sua pergunta. Qual é a minha opinião sobre mulheres digitais? Mulher para ser mulher precisa ter um cheirinho. Eu me lembro do cheiro dos livros novos do ginásio", contou.

Terra - Arte e Cultura

Nenhum comentário:

Postar um comentário